#emBH 2017

Prenda-me se for capaz – Como foi minha experiência na Excape House

Oi gente!

Sabe quando a gente se impressiona como aqueles personagens de séries policiais na TV conectam todas aquelas pistas, todas aquelas situações, descobrir todos aqueles segredos?

E se você fosse um deles? O que faria?

Um jeito legal par descobrir é colocar todas as suas habilidades de observação e investigação em prática.

E essa é a ideia da Excape House.

Primeiro, para aquecer e preparar a velocidade do seu pensamento, e sua habilidade de enxergar fora da caixa, tem um cantinho cheio de desafios:

A Excape House possui dois quartos. Eles têm capacidades diferentes para o número de pessoas no grupo. O “Contra a Máfia” tem capacidade de 4 a 8 pessoas. “Perdidos no Tempo” de 4 a 6 pessoas.

Eu e meus amigos escolhemos a Contra a Máfia para testarmos nossas habilidades de investigação!

A história dessa sala é a seguinte:

Depois de flagrar policiais corruptos recebendo propina de criminosos, você e seus amigos foram capturados e presos em uma delegacia onde o delegado responsável desapareceu há alguns dias. Agora vocês terão 60 minutos para descobrir o que aconteceu no local e escapar vivos antes que os policiais voltem.

Foi superdivertido! Exigiu trabalho em equipe, paciência, raciocínio rápido, muito poder de observação.

Achei superinteressantes os enigmas!

Achei muito legal porque você se envolve mesmo na história, explora todos os detalhes de cada elemento que estão presentes na sala.

Adorei que a sala é muito bem pensada para nos sentirmos assim!

A Excape House fica na Rua Herval, 480, no bairro Serra, BH.

E, para saber mais, e também pra agendar, é só acessar http://www.excapehouse.com.br

Vocês gostam desse tipo de desafio? Já foi em algum?

Conta pra gente!

Até a próxima,

Carol

Olha só esses aqui também:

1 Comment

  1. Regina souza says:

    Adoro os jogos e séries de investigação. Não vejo a hora de ir a BH para conhecer esse espaço e participar do jogo. Boa dica.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.