Mais o que um filme que inspirou meu início de 2018 – O Rei do Show

Oi gente!

Depois de um período de pausa com o blog, começo 2018 cheia de reflexões.

E essas reflexões, além daquelas clássicas de final de ano, tiveram uma inspiração por uma história especial, com uma trilha sonora incrível (e digna de um Globo de Ouro hein?).

Sinopse

O Rei do Show é um filme que conta a história de P.T. Barnum, um menino de família humilde que tem muitos sonhos, e um grande amor.

Barnum desafia as barreiras das classes sociais, casa com seu amor de infância, filha dos patrões ricos de seu pai. Eles, então, começam uma vida simples, cheia de amor e sonhos, e criam uma linda família.

Mas Barnum não satisfeito com a vida que está dando a sua família, tenta criar um museu de curiosidades, em Nova York. Mas quando o público não aparece para comprar entradas, P.T. vê seus sonhos ficando cada vez mais distantes… Em um momento de inspiração, e ousadia, ele vislumbra a possibilidade de criar um novo conceito de show, com pessoas consideradas estranhas, bizarras, marginalizadas.

Assim, além de visionário em questão de negócios, já que ganhou muito dinheiro com esse novo show, Barnum também criou, sem querer uma nova família para cada um dos integrantes de sua trupe.

Mas ambição acaba subindo a cabeça de P.T., que vai deixando de lado sua criação, sua família, buscando sempre ganhar mais dinheiro.

O Rei do Show é mais que uma história

Sei que a sinopse parece meio sem final… mas foi intencional. Porque o que importa bastante nesse filme é a jornada, não só de P.T. Branum, mas de todos os personagens.

E o que nos leva em toda essa mágica jornada é a trilha sonora… E que trilha sonora!

A música que embala sonhos

São músicas que falam de sonhos, amor, decepção, redenção, e acima de tudo, luta e aceitação.

A música premiada com o Globo de Ouro em 2018 foi “This is Me”, uma canção sobre empoderamento, pertencimento, ser você mesmo e não achar que tem que se desculpar por isso.

(Fonte do vídeo: Canal da gravadora Atlantic Records)

Esse é o hino que representa o filme. Que representa encontrar seu lugar no mundo e não ter vergonha de ser você mesmo dentro dele, apesar de tudo e todos.

Só mais um musical? Eu acho que não…

Eu tenho um fraco por musicais, mas esse realmente me surpreendeu. Por ser uma produção musical exclusiva para o cinema, com canções originais, com demorados workshops, com artistas aprendendo a fazer acrobacias de circo… Mais ou menos uns 7 anos de produção.

Foi uma grande produção, o elenco é maravilhoso. Pode ser que você reconheça alguns dos maiores atores, como Hugh Jackman, Zendaya, Zack Efron e Michele Williams. Mas não se engane, pois as estrelas de O Rei do Show estão nos lugares que menos esperam.

Para mim, o filme é uma inspiração, uma chamada a sonhar, e principalmente a realizar seus sonhos!

Deixo vocês com essa citação de P.T. Barnum exatamente sobre se aceitar, e perseguir seus sonhos:

“Ninguém nunca fez a diferença sendo igual a todo mundo.”

Sejam fortes, não tenham medo de ser vocês mesmos, e até a próxima!

Carol

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.